© 2019 por SGM - IEQ

Contato: 11 3226-3142

E-mail: sgm@sgmbrasil.com.br

Endereço: 

Rua Conselheiro Nébias, 1122

Campos Elíseos - São Paulo - SP

CEP 01203-002

Ásia - Família Ásia (Re C)

A família Ásia, é assim que chamamos essas pessoas maravilhosas, naturais da região Sul do Brasil, e por sua segurança preferimos omitir os seus nomes.

 

Na verdade seus nomes não são as únicas coisas que não podem aparecer.

 

Recentemente essa família compartilhou algumas linhas em um momento que tivemos de conversa sobre o Amor de Deus e seu cuidado incomensurável, mesmo que aparentemente todas as situações ao redor nos dê a falsa impressão que estamos sozinhos.

Suas palavras foram: “Vivo em um lugar onde preciso ser discreto, onde meu nome não pode aparecer, onde outros levam o crédito pelo meu serviço, mas pela graça vivo bem nesta situação, pois já aprendi que Ele vê e Ele recompensa especialmente quando não desejo recompensas”.

Em Mateus 6: 16-18 lemos a seguinte passagem: “Quando jejuarem, não mostrem uma aparência triste como os hipócritas, pois eles mudam a aparência do rosto a fim de que os outros vejam que eles estão jejuando. Eu lhes digo verdadeiramente que eles já receberam sua plena recompensa. Ao jejuar, arrume o cabelo e lave o rosto, para que não pareça aos outros que você está jejuando, mas apenas a seu Pai, que vê em secreto. E seu Pai, que vê em secreto, o recompensará.”

O jejum, a oração, a ajuda a pessoas necessitadas, são todos serviços que devem ser prestados a Deus – para seu agrado, para seu propósito e para sua honra.

 

Mas, quando nós nos preocupamos como o reconhecimento de homens pelo nosso serviço, quem recebe a atenção e honra somos nós.

Uma analogia a esses versos seria o Serviço Secreto do governo dos EUA, que tem como um dos seus principais objetivos a proteção do Presidente, seus familiares e outros governantes importantes.

 

O aspecto “secreto” deste grupo não se refere a um trabalho oculto como espionagem, porém, à discrição dos agentes ao desempenhar seu trabalho.

 

Os agentes desse serviço trabalham sem uniforme, em traje comum. Um dos objetivos deles é justamente não serem vistos. Seu trabalho é todo feito em secreto.

 

O Presidente pode aparecer, e muitos vão dar atenção a ele. Mas, os homens que servem a ele não devem aparecer. Ao contrário, devem ser invisíveis.

A mesma coisa acontece com a vida cristã. Para que o Rei receba a atenção e para que a glória seja dada a Deus, nós temos que fazer o nosso serviço em secreto.

 

Caso contrário, quem chama a atenção somos nós. Quem recebe a glória somos nós.